Header Ads

Prefeito discute com pastores para realizar a Primeira Festa Evangélica da cidade de São Sebastião

O Teatro Municipal de São Sebastião sediou na noite desta segunda-feira (27), uma reunião entre os secretários municipais Urandy Rocha Leite (Governo/Administração) e Marianita Bueno (Cultura e Turismo), o chefe de Gabinete do Executivo, Sérgio Félix e cerca de 50 pastores de diversas igrejas evangélicas do município. A reunião, que marca o segundo encontro entre os religiosos e membros da administração pública, visou debater a organização de um grande evento evangélico que a prefeitura promoverá, na segunda quinzena do próximo mês de outubro. No encontro, o Conselho de Pastores apresentou um pré-projeto de organização do evento que deverá ser finalizado até 5 de agosto. Na abertura da reunião, o secretário Urandy Leite reforçou ser intenção do prefeito Ernane Primazzi possibilitar aos evangélicos a realização pioneira de um grande evento municipal, comparável à Festa do Padroeiro, realizada no início do ano pela igreja católica. Para abrilhantar a festa, o secretário ressaltou que a prefeitura não medirá esforços para trazer os melhores cantores gospel da atualidade ao município. Já o chefe de Gabinete, Sérgio Félix, ressaltou que o evento não terá a bandeira de uma igreja específica, pois se trata de uma organização da prefeitura para todos os evangélicos. No pré-projeto do evento, repassado aos secretários pelo presidente do Conselho de Pastores, Wladmir Gouveia, está sugerido que a festa ocorra entre os dias 16 e 25 de outubro. Os evangélicos também definiram que além dos membros do conselho, a comissão que auxiliará a prefeitura na organização da festa, terá mais oito membros, totalizando 20 integrantes. O Conselho também definiu que haverá sub-comissões na organização, de forma que o maior número possível de denominações atuem diretamente na organização da festa. No documento repassado à administração os evangélicos aceitaram a sugestão apresentada pelo prefeito Ernane no sentido de que a festa tenha a mesma estrutura física do último Arraiá Caiçara, com um grande palco e 60 barracas a serem exploradas pelas igrejas. Os evangélicos sugeriram ainda a montagem de mais duas tendas fechadas no evento, com palco e aparelhagem de som, para atividades religiosas paralelas à festa, além de mais duas estruturas com palcos médios na Enseada e Boiçucanga, para descentralização do evento, com atividades de cunho social a serem desenvolvidas pelas próprias igrejas na mesma semana da festa na região central. O secretário Urandy lembrou que os evangélicos não precisam se preocupar com a contratação dos cantores gospel, e solicitou aos pastores que eles diretamente façam os contatos com os pregadores que atuarão na festa. A administração e os pastores agendaram uma nova reunião para o próximo dia 10 de agosto, ocasião em que deverá ser fechado o plano de realização da festa. Fonte: Assessoria/Prefeitura.

Nenhum comentário