Header Ads

EMERSON PINHEIRO GRAVA NOVO CD AO VIVO EM CULTO EMOCIONANTE

Adoração, louvor, alegria, vida, unção... Essas são algumas palavras que resumem a noite do último sábado (21), data que o Senhor escolheu para marcar a vida de centenas de pessoas que compareceram à gravação ao vivo do novo CD do pastor Emerson Pinheiro pela MK Music. A gravação aconteceu durante o congresso "Adorarei" promovido pela Igreja Batista Central da Barra (IBC Barra), da qual é membro. "Escolhi gravar na minha igreja para poder captar o ambiente da adoração, o que acontece já nos cultos de quarta-feira e de domingo, porque nada se compara a uma igreja adorando", explicou. Com ritmos bastante diversificados no repertório, o segundo CD de Emerson reúne 12 canções, incluindo a regravação de "Amo o Senhor", interpretada originalmente por Fernanda Brum. O público se emocionou e se apaixonou pela bossa nova "Rio de Janeiro". O pastor Emerson compôs essa canção na semana seguinte ao acontecimento no morro dos macacos do dia 17 de outubro, quando traficantes derrubaram a tiros um helicóptero da polícia militar, deixando mortos cinco PMs que estavam a bordo da aeronave. Outro momento marcante foi quando a igreja chorou e adorou intensamente, enquanto Matheus Ortega, filho do pastor Gerson Ortega, tocava "Mais Perto Quero Estar", da Harpa Cristã, na flauta. Matheus participou da música "Semelhantes a Jesus", que foi composta durante um período de adoração espontânea na "Quarta-Profética" - culto liderado pelos pastores Emerson Pinheiro e Fernanda Brum, na IBC. Destaque também para "Semelhantes a Jesus" e "Deus Está Fazendo Algo Novo Aqui", que também surgiu em um momento de quebrantamento no culto de quarta-feira. Já a canção "Mergulhei", música que fecha o álbum, foi feita durante uma mensagem de domingo, quando o pastor Josué Valandro, pastor-presidente da IBC, pregava sobre o texto de Isaías 55:1 que diz: "O vós, todos os que tendes sede, vinde às águas, e os que não tendes dinheiro, vinde, comprai, e comei; sim, vinde, comprai, sem dinheiro e sem preço, vinho e leite." A noite superou todas as expectativas. Não apenas do público que compareceu em peso, mas também pelo mover durante a gravação. "Meu desejo é que o CD seja instrumento de bênção na vida das pessoas e desperte nelas um desejo de adorar. A adoração é um chamado para todos e não para alguns. Deus nos chama para sermos adoradores e nos envia para sermos anunciadores. Esse é o objetivo", declarou Emerson Pinheiro. O CD, que deve se chamar Adorarei, tem previsão de lançamento para fevereiro de 2010. Vamos aguardar.

Nenhum comentário