Header Ads

Há 14 anos Cassiane trazia inovação à música pentecostal com o álbum "A cura"


No início do mês de setembro de 2003 eram enviados para as lojas de todo o país pela MK Publicitá exemplares do álbum "A cura" da cantora Cassiane, após o enorme sucesso dos seus materiais anteriores "Recompensa" e "Com muito louvor". 

Sem a informação digital que temos nos dias atuais, todos que adquiriam a obra tinham que pôr o disco para tocar em seu som para conhecer as músicas, já esperando o inconfundível estilo pentecostal da intérprete de grandes sucessos como "Hino da vitória", "500 graus" e vários outros, mas não foi bem só isso que aconteceu.

O pentecostal da cantora estava fundido dessa vez com o pop e arranjos mais complexos com uma maior variedade de instrumentos assinados por Jairinho Manhães, algo não muito comum para o público pentecostal da época. 

Ao dar o play no disco era ouvida de cara a canção "Tremendo e santo" composta por Rogério Junior, trazendo uma letra longa, mudanças a todo momento e vários instrumentos inseridos numa música só. 

Se a mudança na sonoridade da cantora não ficou clara na primeira faixa, a segunda e que intitula o álbum deixou bem óbvio. Composta por um dos maiores nomes da música gospel no estilo da adoração, Ludmila Ferber, a música é claramente um clamor ao Senhor, e ao ser cantada por igrejas de variadas denominações, tirou de vez o rótulo da cantora de ter suas canções executadas apenas nas Assembléias de Deus e igrejas pentecostais. 

O novo estilo se repete em outras faixas do disco como “Jesus” e “Eu quero ver, sendo a última citada a primeira e única composição de Eyshila na voz da cantora. 


Não foi de imediato, já que o material apresentava músicas longas e altas para se cantar sozinho ou em conjuntos, mas aos poucos as faixas da obra foram se espalhando pelas igrejas de todo o país eternizando sucessos como “Não negue a Jesus”, “Só mais uma milha”, “Deus contempla”, “Ele é o Rei”, “Contigo está” e várias outras. 

A primeira remessa do álbum de 100 mil cópias se esgotou antes mesmo de sair da fábrica, sendo multiplicada com o passar dos meses, até receber em seu ápice o certificado de Disco de Platina Dupla por mais 500 mil unidades comercializadas. 

As vendas do playback também dispararam, principalmente pela dificuldade de reproduzir em instrumentos ao vivo a produção de algumas faixas do material. A gigante ficha técnica do material pode ser lida mais abaixo. 

Seja por suas letras de adoração ou sua produção inovadora, a música pentecostal mudou depois do lançamento desse álbum, mais ainda meses depois quando Elaine de Jesus lançava o disco “Pérola”, repetindo alguns feitos desse e somando mais inovações ainda para o gênero. Lembrando que ambos os discos foram produzidos praticamente no mesmo período. 


Até os admiradores que torceram o nariz na época do lançamento do álbum esperam e desejam nos dias atuais por lançamentos tão surpreendes por parte da cantora como esse, mas sem sucesso. 

Vendido em forma física sem seu encarte original pela gravadora MK Music, atualmente o CD também pode ser ouvido nas principais plataformas digitais, e algumas de suas músicas com frequência nas igrejas e rádios do Brasil, marcando o legado da obra.

Faixas

Tremendo e Santo (Rogério Júnior)
A Cura (Ludmila Ferber)
Não Negue a Jesus (Wellinghton e Jackson)
O Segredo da Vitória (Rayssa)
Promessas de Deus (Flávia Afonso)
Só Mais Uma Milha (Wellinghton e Jackson)
Celebrando a Cristo (Abílio Varella)
Jesus (Marquinhos Menezes)
Contigo Está (Vânia Santos e Júnior Andrade)
Deus Nos Escolheu (Ludmila Ferber)
Eu Quero Ver (Eyshila)
Ele é o Rei (Marcelo Manhães)
Deus Contempla (Rozeane Ribeiro)
Sinfonia de Louvor (Elizeu Gomes)

Créditos

Gravado, mixado e masterizado no Reuel Studio - RJ
Produção executiva: MK Music
Produção musical e arranjos: Jairinho Manhães
Técnicos de gravação: Gerê Fontes e Paulo Fontes
Mixagem: Paulo Fontes (nas faixas 2, 4, 8, 11, 12 e 13) e Gerê Fontes (nas faixas 1, 3, 5, 6, 7, 9, 10 e 14)
Masterizado no Reuel Studio por Gerê Fontes
Teclados: Rogério Vieira
Violão de aço, nylon e guitarra: Mindinho
Violão flamenco: Mauro Costa Jr
Percussão: Zé Leal
Acordeon: Lenno Maia
Guitarra: Sérgio Knust
Sax tenor e alto: Marcos Bonfim e Josué Lopes
Trompete e fliscorne: Márcio André e Marlon
Trombone: Roby Olicar
Flauta e flautim: Jairinho Manhães
Trompa: Ismael Oliveira
Sax solo: Eziel Rosa
Gaita: Rodrigo Eberienos
Erhu: Eddie Schtung
Gravação de cordas no Estúdio Trilhas Urbanas - PR
Violinos: Alexandre Brasolim, Paulo Torres, Silvanira Bermudes, Maria Cláudia, Maria Cristina, Paulo Augusto, Paulo Egídio, Moema Meyer, Oliver Yatsugafu, Cristine Marguards, Augusto Conde, Juliane Martens, Francisco Freitas, Atli Ellendersen e Cristiane Klingelfus
Violas: Aldo Villani, Maria Luiza, Marcelo Lemos, Cristine Marguards e Natanael Fonseca
Violoncelos: Romildo Weingartner, Thomas Jujhshk, Ivo Meyer e Maria Alice
Back vocal: Jozyanne, Marquinhos Menezes, Betânia Lima, Kátia Santana, Sula Maia, Roby Olicar, Eyshila, Lilian Azevedo, Jairo Bonfim, Wilian Nascimento, Janeh Magalhães, Josy Bonfim, Aline, Cleyde, Joelma Bonfim e Cassiane
Fonoaudióloga: Lilian Azevedo
Fotos: Sérgio Menezes
Criação e arte: MK Music


Nenhum comentário